As câmeras de segurança de uma casa noturna registraram o momento em que dois suspeitos passam de carro pela rua Humaitá, no centro de São José dos Campos, atirando contra as pessoas que estavam na calçada, na noite de domingo (13). No momento, o estabelecimento promovia um evento com a temática em comemoração ao Dia das Mães. Confira acima o vídeo que está circulando nas redes sociais.

Segundo a administração da casa, a confusão começou após um homem ter sido barrado na entrada do evento por apresentar sinais de embriaguez e ter quebrado a porta de entrada do estabelecimento.

"O homem já havia saído do evento minutos antes e tentou retornar para dentro da casa, mesmo sendo informado que não seria autorizado. Ele se alterou quando foi barrado pelo segurança e chegou a chutar e quebar a parte de acrílico de uma das portas. E também agrediu o 'flanelinha', vigia dos carros na rua, que tentou ajudar a conter ele", declarou Bruno Santos, proprietário da Casa de Jorge.

Um policial militar à paisana teria notado o início da discussão e tentou conter o jovem após ele ter agredido o 'flanelinha', De acordo com a Polícia Miltiar, o PM deu voz de prisão ao agressor e foi encaminhado ao plantão do 1ºDP.

Entretanto, um suposto amigo do agressor é o principal suspeito da autoria dos tiros em frente a casa noturna. De acordo com testemunhas, ele teria também se envolvido na discussão e depois saído em direção ao carro, onde teria pego uma arma de fogo e atirado contra o policial militar à paisana e as pessoas próximas ao estabelecimento.

"O crime foi registrado por volta das 21h30, populares transitavam pela via, quando de forma inesperada dois criminosos adentraram a rua, em um veículo Pickup Montana, efetuando vários disparos de arma de fogo contra as pessoas que estavam em frente à casa noturna. Até o final da ocorrência nenhuma vitima de disparo de arma foi localizado", declarou a PM em nota oficial.

O caso foi registrado no plantão do 1ºDP e deve seguir sendo investigado pela equipe da Polícia Civil.

A administração da 'Casa de Jorge' declara que enviou o cadastro de entrada dos homens envolvidos na confusão e as imagens das câmeras de segurança à polícia e que está prestando todo apoio as investigações.