Posse Prefeita Gracinha, Câmara de Ilhabela Foto Divulgação PMI

Em nota, a prefeita afirmou que respeita críticas políticas, mas não aceita ataques pessoais.

Divulgação/PMI

A Prefeita de Ilhabela, Gracinha (PSD), sofreu ofensas racistas em redes sociais, e denunciou à polícia ter sido vítima de injúria racial. Segundo a Policia Civil, duas pessoas serão investigadas pelos ataques.

Nos comentários feitos em redes sociais, um dos internautas se refere a chefe do executivo como “Preta de Neve”. Em outro comentário, o segundo acusado afirma “Mula do Morro vestida de travestida de religiosa é de embrulhar as tripas”.

A mesma pessoa continua as ofensas em outro comentário:

“Preguiçosa, incapaz de se vestir à altura que a vida a lançou; de fazer um corte de cabelo feminino. Preciso vê-la algemada para aplacar minha indignação do dia em que ela ficou assistindo o #Lobodemerda me provocar”.

Em nota, a prefeita afirmou que respeita críticas políticas, mas não aceita ataques pessoais e que denunciará todos os tipos de ataques pessoais à polícia e à Justiça.

 “Agradeço a todos que expressaram solidariedade em relação ao lamentável episódio de racismo que fomos vítima. São essas demonstrações de solidariedade e carinho que nos fortalecem no combate a esse tipo de atitude, que sempre repudiaremos. É a união contra essas atitudes que nos motiva a continuar trabalhando e enfrentar os desafios. Entendemos que todos somos iguais, independente de cor da pele, cabelo, opção religiosa, etc”.