20140616_cartao_de_credito_940

SPC confirma aumento de mais de 3% de inadimplentes no território brasileiro

Reprodução/Estadão 

A população brasileira está cada vez mais endividada. Segundo pesquisa do SPC, em maio houve aumento de 3% de inadimplentes em todo o país, com 62,9 milhões de nomes negativados. Apenas na região Sudeste, o índice alcançou os 10%.

Em relação aos consumidores que usam o crediário, mais de 58% ficaram com nome negativado por conta de atraso na mensalidade, 48% por não pagarem a fatura do cartão de crédito.

Ao passar por uma situação de inadimplência as pessoas podem se desanimar e não saber para quem deve. Além disso, os consumidores não sabem quais são as prioridades de pagamento e isso acaba acarretando mais dívidas, como afirma a professora e doutora em economia Quésia Kamimura.

“O que na maioria das vezes acontece é que as pessoas se desanimam ao saber que o nome está no SPC ou que terão de enfrentar mais um problema. Para sair dessa situação é primordial que o consumidor siga algumas dicas como levantar com clareza tudo que está devendo, o que deve ser priorizado, como poderá fazer uma negociação para sair dessa situação e mudar atitudes e monitorar seu dinheiro,” Concluí. 

O cheque especial que tanto assusta os consumidores permanece em último lugar, com a menor porcentagem nomes sujos, são cerca de 30 %. Ainda de acordo com o balanço do Serviço de Proteção ao Crédito, o número equivale a 41% de pessoas que possuem restrição no CPF para realizar compras parceladas, além de dificuldades em empréstimos e financiamentos. 

Em São José dos Campos, consumidores poderão ser orientados em como sair desta situação. Pensando na dificuldade dos compradores e empresários, o Procon São Paulo ministra uma palestra nesta sexta-feira (14), a partir das 14h, no Paço Municipal. 

O órgão passará orientações e vai alertar o consumidor na prevenção de dívidas, além de dar dicas de como as pessoas podem dar a volta por cima e se livrar do endividamento. O evento é gratuito e aberto ao público.