A Vigilância Sanitária interditou um berçário clandestino que atendia a 30 crianças com idade entre 3 meses e 7 anos, no bairro Boiçucanga, na Costa Sul da cidade. O órgão chegou ao local após denuncia protocolada no Conselho Tutelar e no Ministério Público.

Os agentes da Prefeitura encontraram a piscina com água verde, sem tratamento, com telas de segurança precárias e abertas, e restos de brinquedos e lixos.

A Vigilância Sanitária constatou que o local apresentava risco eminente de saúde pública às crianças, com paredes mofadas, fios desencapados, e sem proteção nas tomadas.

O ambiente, segundo informou o órgão, estava desorganizado, sujo, e alimentos vencidos na geladeira. Além disso, no local não havia filtro para água, sendo servido às crianças água da torneira.

Não foram repassadas informações sobre os responsáveis pelo local e se eles foram presos.

Berçários A Prefeitura de São Sebastião informou que estão em construção quatro novas unidades que atenderão crianças do berçário ao ensino infantil. As obras, nos bairros de Barra do Una e Maresias, e Jaraguá atenderão cerca de 200 crianças em cada espaço.