bolsonaro2_1

O candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL)

Estadão

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mulheres de todo o Brasil estão se mobilizando para promover um ato nacional contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL). Um grupo no Facebook, criado no dia 30 de agosto, conta com mais de um milhão de eleitoras contrárias ao político.

Na RMVale, o grupo feminista 'Clube da Luta' marcou uma passeata em São José dos Campos para protestar contra o posicionamento político do candidato. O ato  está agendado para o dia 29 de setembro e já conta com mais de 4.000 confirmações no Facebook. 

Ingrid Rodrigues de Sá, de 23 anos, uma das organizadoras do movimento em São José, disse que a intenção é promover uma passeata e intervenções artísticas. 

"Temos que mostrar para as pessoas quem é esse candidato e o mal que ele faz ao Brasil com seu discurso machista, de ódio, homofóbico e contra todas as minorias", disse Ingrid. Segundo ela, os  manifestantes vão se concentrar na Praça Afonso Pena, no centro da cidade, a partir das 9h. 

Jair Bolsonaro aparece nas pesquisas eleitorais na primeira colocação para o cargo de presidente. Levantamento do Datafolha, divulgado no dia 10 de setembro,  mostra que a rejeição ao candidato do PSL  chega a 49% entre as mulheres.