Um dia após o presidente Michel Temer declarar que vem sendo procurado "com insistência" por um "enxame" de tucanos para negociar uma aliança, o ex-governador e ex-presidente do partido Alberto Goldman reagiu dizendo se tratar de uma "papagaiada" do emedebista.

"(Temer diz) 'eles estão me procurando. Eu não telefono e dizem que telefono. Eu não procuro, eles é que procuram'. Para que isso? O que isso interessa a qualquer um? Nem eu leio isso, imagina o cidadão comum. O que é isso? Papagaiada", afirmou Goldman, ao Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

A fala do tucano refere-se a uma entrevista concedida por Temer ao blog do jornalista Gerson Camarotti, na tarde de ontem. Na ocasião, o presidente já rebatia a informação de que tucanos haviam sido procurados pelo MDB para uma composição. "Estou indignado. Essa gente está atrás de mim com ânsia", declarou Temer.