O primeiro barco inscrito para a 46ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela foi o BMW Motorrad de Vela Oceânica, do comandante Marcos Ferrari. Vai correr na classe ORC das regatas e reviver a história de quando a tripulação corria com o nome de ESPN.

“Tamanha é a nossa motivação que não víamos a hora das inscrições abrirem para sentir aquele gosto delicioso de fazer parte de mais uma edição da Semana Internacional de Vela de Ilhabela”, contou Marcos Ferrari.

Em 1998, com o nome de ESPN, a equipe bateu o recorde da prova de abertura do evento, a Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil, que volta a ter seu percurso original.

As inscrições estão abertas desde segunda-feira. Para as regatas, que serão de 13 a 20 de julho, podem competir os barcos das classes ORC, IRC, RGS, Clássicos, Bico de Proa, HPE 25, C30 e HPE30. O sistema de inscrições está disponível por meio do site oficial do evento, o www.sivilhabela.com.br. O primeiro lote de inscrição terminará no dia 10 de junho.

Rápidos catarinenses

Mas os catarinenses, que sempre foram os mais rápidos no processo de inscrição, mantiveram a tradição e confirmaram o Caos Calmo, que fará sua estreia na Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

A equipe disputa regatas importantes em Florianópolis (SC). “A participação na Semana Internacional de Vela de Ilhabela é a realização de um sonho. Por isso, convidei minha namorada e mais três amigos para participar do evento”, explicou o comandante Frederico Campos Didoné.

O Caos Calmo tem 25 pés e está na categoria RGS ao lado, por enquanto, de Almaviva VI e BairaMar. A RGS tem três subdivisões e em todos os campeonatos é a que mais leva equipes à raia.

“Espero que mais barcos das classes amadoras como RGS, Bico de Proa e Clássicos estejam na raia em 2019. Elas que dão animação à Semana Internacional de Vela de Ilhabela”, contou Marco Aleixo, do barco BeiraMar, que mede na classe RGS.

Bico de Proa

Três equipes da classe Bico de Proa também fizeram o processo de inscrição, aproveitando o desconto que se estende à categoria. São elas: Bacanas IV, Caramarujo e Squalus.

“A Semana Internacional de Vela de Ilhabela é uma ótima oportunidade para velejar e compartilhar a alegria de estar no mar com os amigos. Nossa tripulação está ansiosa para participar das regatas que são muito técnicas. É uma ‘festa’ na água e em terra”, disse Walter Adoglio, do Squalus.

Na classe HPE 25 está confirmado o Aventura 55 e na C30 o Caballo Loco.

Valores

Os valores para as regatas de 2019 são os mesmos do ano passado e podem ser pagos em duas vezes, uma novidade nesta temporada. As equipes que correm nas classes RGS, Bico de Proa e Clássicos terão desconto especial de 30% nesta edição.

Os velejadores integrantes dos barcos das categorias ORC, IRC, HPE 30, HPE 30 e HPE 25, que não necessitam usar poitas ou a marina do Yacht Club de Ilhabela pagam R$ 100. O valor por integrante com uso de poitas fica em R$ 200 e para os veleiros nas vagas do YCI será de R$ 320.

As equipes da RGS, Bico de Proa e Clássicos pagam por tripulantes os valores de R$ 70 (sem vagas em poitas e marina), R$ 140 (baga em poitas) e R$ 230 (vaga na marina).

“Vamos ter mais barcos na raia, com certeza! Estamos preparando tudo para receber bem os participantes no nosso clube”, disse Mauro Dottori, organizador do evento. “Quem precisar de vagas no píer do YCI deve se inscrever logo, pois temos um limite de vagas”.

cr_107

Na foto (Divulgação), o barco Caos Calmo, um dos estreantes em Ilhabela.