O São José agendou um jogo-treino contra o sub-23 do Corinthians para a manhã desta quarta-feira, no estádio Martins Pereira. Depois de um derrota amarga em Fernandópolis e que cortou a invencibilidade de 13 partidas no Paulista da Segunda (4ª) Divisão, o técnico José Francisco de Oliveira poderá fazer algumas experiências na formação da equipe.

Na semana passada surgiu a oportunidade de um jogo-treino com o sub-23 do Corinthians, que não conseguiu avançar à segunda fase da Copa Paulista, mas segue trabalhando para outras competições. E como o campeonato do São José também limita os jogadores a 23 anos de idade e a próxima partida contra o desistente Grêmio Catanduvense não mais acontecerá, o encontro veio em bom momento.

Outro motivo que valoriza o jogo-treino é a necessidade de correções diante dos erros na partida disputada na manhã de domingo, em Fernandópolis. O São José começou arrasador, fez dois gols em sete minutos, mas depois não soube aproveitar a rara vantagem. Levou dois gols ainda no primeiro tempo e não escapou da derrota no segundo, sofrendo um terceiro gol, correndo o risco de levar outros e sem criar uma única oportunidade para empatar.

Na manhã desta terça-feira, na volta ao treinos, comissão técnica e elenco conversaram sobre os problemas de Fernandópolis. O técnico José Francisco também teve uma reunião com o presidente Adilson José da Silva. E como o time ainda depende dos próprios resultados para alcançar as quartas de final, todos ainda contam com o apoio da torcida.

“Foram muitos erros que comprometeram os nossos planos de aproveitar a excelente vantagem dos 2 a 0 logo no começo. Por isso, foi uma manhã de cobranças, de avaliações, mas também de retomada de um trabalho que continua. Vamos reagir e contamos com apoio que a nossa torcida sempre nos deu”, disse o técnico Oliveira.

Mesmo com oscilações no rendimento coletivo e nas apresentações individuais, Oliveira vinha mantendo uma formação titular que sustentava 14 partidas de invencibilidade. Agora, depois do tropeço em Fernandópolis, o treinador sinaliza que novidades na escalação poderão surgir. “Farei algumas observações e o jogo-treino com o Corinthians será proveitoso como um ponto de partida”, disse o treinador, sem revelar em quais posições os reservas poderão ter oportunidade.

Quase completo

No momento, o único jogador do elenco que não pode disputar um lugar no time é Jorginho, reserva imediato do lateral-esquerdo Luciano Pit e afastado por contusão sofrida em treino. O meia Leandro. titular que cumpriu suspensão automática por terceiro cartão amarelo em Fernandópolis, deverá voltar.

O atacante Luan recebeu o terceiro cartão amarelo em Fernandópolis, mas poderá enfrentar o Guarulhos, no dia 22, um domingo de manhã no Martins Pereira. Como a partida contra o desistente Grêmio Catanduvense será por WO, valerá três pontos, um placar simbólico de 3 a 0 e também como um jogo normal para o cumprimento de suspensões automáticas ou determinadas por julgamentos da Justiça Desportiva.

cp_893

Na foto (de Alendre Silveira/Cortesia), o São José fazendo aquecimento minutos antes da partida em Fernandópolis.