O São José fez a sua parte na rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino da Série A-1, goleando o Pinheirense por 5 a 2, na tarde desta quarta-feira, no estádio Martins Pereira. Com o resultado, segue na disputa por classificação, mas ainda em condições desfavoráveis.

No Grupo 1, de oito times se enfrentando em turno e returno, o São José disputa a quarta e última vaga com a Ferroviária de Araraquara e o Sport Recife. Nesta quarta-feira, pela 12ª e antepenúltima rodada, o time joseense venceu a sua partida e ficou esperando tropeços dos concorrentes.

Em São Paulo, o Sport Recife conseguiu segurar o líder Corinthians até o começo do segundo tempo. Depois, levou três gols, fez um no final e acabou perdendo por 3 a 1. Em Araraquara, a Ferroviária foi competente contra o amazonense Iranduba, que precisava vencer para recuperar a vice-liderança perdida para o catarinense Kindermann.  As araraquarenses venceram por 2 a 0, com um gol aos 12 minutos do primeiro tempo e outro aos 17 do segundo.

O Sport Recife, com a derrota, perdeu a quarta colocação para a Ferroviária e também foi ultrapassado pelo São José. A Ferroviária agora tem 17 pontos,  o São José soma 16 e o Sport Recife segue com 15.

Na quarta-feira da semana que vem, dia 15, o São José visitará o Corinthians, a Ferroviária sairá contra o Kindermann e Sport receberá o baiano São Francisco. Depois, na última rodada, o São José receberá o Sport Recife e a Ferroviária terá a visita do Pinheirense.

Antes de enfrentar o Corinthians, o São José jogará pela segunda rodada da segunda fase do Campeonato Paulista. No domingo, às 15h, visitará o Rio Preto.

No Martins Pereira

O São José tomou um susto no começo da partida com o Pinheirense, porque o time paraense abriu o placar aos 4 minutos, com a volante Nazaré. Reagindo bem, as joseenses empataram aos 8, com a atacante Fernanda Typa e viraram aos 23, marcando a zagueira Nath Rodrigues.

A meio-campista Rita Bove ampliou para o São José aos 17 minutos do segundo tempo e logo em seguida, aos 18, a lateral Dany fez o segundo do Pinheirense, deixando o placar em 3 a 2.

Sentindo que poderia atrair problemas para um jogo tranquilo, o São José tratou de garantir os três pontos com mais um gol de Rita Bove, aos 27 e um último da meia-atacante Gabi Portilho, aos 35.

Os times

O São José, do técnico Cleber Arildo, atuou com: Michele Grandis; Gabi Lira (Rafa Soares – intervalo), Zizi, Nath Rodrigues e Rafa Martins (Rebeca 23´/2º); Edna Baiana, Ester e Rita Bove; Carlinha, Fernanda Typa (Gabi Portilho 28´/2º) e Michele Carioca. A goleira Taty Amaro, a zagueira Bagé, a meio-campista Sâmia e a atacante Franciele foram desfalques.

O Pinheirense, do técnico Aldo Ramos: Natália; Raquel, Priscila, Milene (Ingrid 41´/2º) e Verena (Isa Paula 37´/2º); Nazaré, Cíntia Magrela, Talita (Dany – intervalo) e Stefany; Pingo e Radija.

A arbitragem, com paulistas do quadro da CBF, contou com: Katiucia da Mota Lima (árbitra), Luiz Alberto Andrini Nogueira (assistente 1), Veridiana Contiliani Bisco (assistente 2), Rafael Gomes Félix da Silva (quarto árbitro) e Carlos Donizeti Pianosqui (analista de campo).

cx_030

Na foto (de Gabriel Dantas/São José Futebol Feminino), as joseenses recebendo o Pinheirense no estádio Martins Pereira.