O São José Basketball já conhece o caminho até a final do Campeonato Paulista. Na abertura dos playoffs, a semana terá dois jogos contra o Osasco e uma data reservada para um terceiro de desempate. O Franca espera o vencedor do confronto.

A fase de grupos do Campeonato Estadual da Divisão Especial Série A-1 Masculina 2019 terminou na noite de terça-feira, definindo a classificação final e o posicionamento que direcionou os qualificados aos confrontos de playoffs.

O São José, como quarto colocado da Chave B, esperava o quinto colocado da Chave A. O Basquete Osasco estava na posição, mas ainda poderia perder a colocação para o Liga Sorocabana. No entanto, ao visitar o já classificado Mogi das Cruzes, saiu derrotado por uma diferença de pontos que não modificou ordem dos critérios para desempate.

Na Chave B, Corinthians (1º colocado) e Bauru (2º) avançaram direto às quartas de final. Na Chave B, o mesmo fol alcançado por Franca (1º) e Mogi das Cruzes (2º). O América de São José do Rio Preto (7º no A), foi o único eliminado entre os 13 participantes.

Os oito times restantes avançaram a um playoff, de até três jogos, valendo quatro vagas nas quartas de final. Os confrontos ficaram assim: São José (4º de B) x Osasco (5º de A), Paulistano (3º de B) x Liga Sorocabana (6º de A),  Pinheiros (4º de A) x Rio Claro (5º de B) e São Paulo Futebol Clube (3º de A) x São João da Boa Vista (6º de B).

Em cada confronto, o time de melhor posição terá o segundo jogo em casa e também, se necessário, o terceiro. Assim, na quinta-feira (12), às 20h, o São José visitará o Osasco e depois, no sábado (14), às 18h, receberá o adversário.  O terceiro jogo ficou agendado para segunda-feira (16h), às 20h.

A rodada de ida começa na quarta-feira com o São Paulo visitando o São João, às 20h. Na quinta-feira, além do jogo do São José em Osasco, o Liga Sorocabana receberá o Paulistano. Na sexta-feira, o Pinheiros estará em Rio Claro.

cp_896

Sequência

Superando o Osasco, o São José encontrará o Franca nas quartas-feira. Passando pelo time francano faria uma das semifinais contra o ganhador de Bauru e o time que passar entre São Paulo e São João.

Na fase de grupos o São José fez 10 jogos com 5 vitórias e 5 derrotas. Marcou 773 pontos e sofreu 740. O Basquete Osasco, em uma chave de sete times, jogou 12 partidas e teve 2 vitórias e 10 derrotas. Marcou 914 pontos e sofreu 940.

cp_897

Nas imagens, o pivô joseense Sergião subindo para dois pontos na vitória do jogo mais recente, em casa, contra o São João (foto de Arthur Marega Filho/São José Bsketball) e o técnico João Ricardo Lourenço orientando os jogadores do Osasco na derrota de terça-feira, em Mogi das Cruzes (foto de Antonio Penedo/Mogi Basquete).