No segundo jogo como visitante, o São José Basketball conquistou a primeira vitória no Campeonato Paulista e reequilibrou a campanha com um aproveitamento de 50%. Na noite desta segunda-feira, controlou as ações contra o Rio Claro e fez o placar de 90 a 75. O crescimento coletivo foi fundamental no plano de jogo do técnico Paulo Jaú.

Em um time ainda em formação, os jogos vão apresentando as alternativas e oferecendo um bom aproveitamento do banco de reservas. Na estreia, o São José foi bem e ganhou em casa do Corinthians. Depois, em São Paulo, não conseguiu parar o Paulistano. No sábado passado, em casa, levava o jogo contra o Bauru equilibrado até tomar uma virada no terceiro quarto.

Em Rio Claro. a torcida tentou incentivar o time da casa, mas o São José não permitiu a reação dos locais. Marcando com posicionamento e explorando os espaços que o adversário deixava ao buscar um placar favorável, os joseenses fizeram 23 a 17 no primeiro quarto.

Marcando mais que 20 pontos e sofrendo menos que 20, o São José mostrou que estava bem no jogo ao fazer 23 a 18 no segundo. Assim, chegou ao intervalo com 11 pontos de vantagem.

Perdendo por 35 a 46, o Rio Claro voltou do intervalo sabendo que o terceiro quarto seria crucial. Conseguiu marcar 23 pontos, mas o São José fez 22 e a diferença de 10 pontos continuou dando aos joseenses confiança e tranquilidade.

Nos 10 minutos finais, quando sentiu que não teria meios para virar o placar, o Rio Claro viu o São José manter a regularidade com 22 pontos e fez apenas 17. Assim, os visitantes fecharam com um incontestável 90 a 75.

A quinta partida do São José também será fora de casa, na sexta-feira, dia 16, às 20h, Em São João da Boa Vista, visitará o São João, novidade na competição.

cq_102

Os times

O São José, do técnico Paulo Jaú, entrou com: Mariani (16 pontos), Figueiredo (17), Duda Machado (15), Rafa (14 e 10 rebotes – duplo-duplo) e Lupa (1). Começaram no banco: Sérgio (12), Buemo (10), Alex (3), Vieira (2), Pedrão (0), Eugeniuz (0) e Guirro (não entrou).

O Rio Claro, do técnico Fernando Penna, entrou com: Gerson (5), Vinícius Pastor (8), Lucious (20, um dos cestinhas), Márcio Dornelles (0) e Enzo (13). Começaram no banco: Jefferson Campos (20, o outro cestinha), Ralfi (4), Pegara (3), Lucas (2), Andreoli (0), Alef (0) e Soleira (0).

O trio de arbitragem: Carlos Renato dos Santos, Fabiana Pereira e Adriano Fortunato. O delegado: Edenilson Vermelho.

cq_101

Nas fotos (de Arthur Marega Filho/São José Basketball), o pivô Sérgio fazendo mais dois pontos para o São José e Duda Machado tentando escapar da marcação de um jogador do Rio Claro.