O Atlético Joseense estreou no Paulista da Segunda (4ª) Divisão somado um ponto fora de casa. Na manhã deste domingo, ao fechar a rodada de abertura do Grupo 5, empatou por 0 a 0 como visitante do União de Mogi das Cruzes.

Como inscreveram poucos jogadores profissionais para a rodada de abertura, o Joseense teve apenas dois no banco de reservas e o União, três.  No time mogiano, o goleiro Caio não entrou no decorrer da partida.

Com a bola rolando, o União assumiu a condição de local e desde o início tentou criar um volume de jogo ofensivo. Aplicado na marcação, o Joseense evitava maiores problemas e ainda procurava caminhos para contragolpes.

Em um primeiro tempo de raros ataques que poderiam abrir o placar, o time mogiano quase marcou no final. O goleiro Guilherme Almeida fez boa defesa em finalização do atacante Felipe Martins.

Os ajustes das conversas de intervalo surtiram efeito e o segundo tempo foi mais interessante. O meia joseense Abraão chutou com a bola passando perto da trave e o atacante mogiano João Victor chegou mais perto, acertando o travessão.

O joseense quase fez em um chute de Igor Nazareth e já nos acréscimos, um defensor mogiano surgiu na cobertura e evitou o gol quando o goleiro já estava batido.

A rodada

O Grupo 5 tem sete times que se enfrentam em turno e returno, disputando quatro vagas na segunda fase. O Manthiqueira de Guaratinguetá folgou na tabela da rodada de abertura que teve os outros dois jogos no sábado. São José e Paulista de Jundiaí empataram, por 0 a 0 e o Amparo goleou o Atlético Mogi das Cruzes, por 5 a 0.

A segunda rodada terá dois jogos no próximo sábado, dia 13, às 15h: Atlético Mogi x São José e Paulista x Manthiqueira. No domingo. às 10h, o Atlético Joseense receberá o Amparo no estádio Martins Pereira.

Os times

O Atlético Joseense, do estreante técnico Rafael Attili, jogou com: Guilherme Almeida; André, Vinícius, Giovanni e Diego Jardim; Luiz Carlos (Guilherme 13´/2º), Daivid, Abraão e Igor Nazareth (Caio 33´/2º); Luquinha e Wesley.

O União de Mogi, do técnico Gelson Fogazzi, jogou com: Lucas; Erick, Carlos Augusto, Tiago Pereira e Gabriel Silvério, Juan, Victor Gabriel (Marcelo Brandão 44´/2º), Flávio e Mateus Santana; Felipe Souza (Lucas Siqueira 19´/2º) e João Victor.

No estádio Francisco Ribeiro Nogueira, em Mogi das Cruzes, a equipe de arbitragem contou com: Márcio Mattos dos Santos (árbitro), Wellington Bragantim Caetano (assistente 1), Cosme Tavares dos Santos (assistente 2) e Gilmar Pedroso Rocha (quarto árbitro).

cr_208

Na foto (Divulgação/Clube Atlético Joseense), joseenses e mogianos durante o Hino Nacional.