20_dicas_alimentacao_saudavel_1

Os relatos mais comuns que ouço a respeito são que “a comida é mais forte que eu”, “quando vi já comi” ou “nunca vou emagrecer, nasci assim e vou morrer assim” Tem tudo isso em questão sim e não discordo disso, porém, importante ficar claro que essa escolha quem faz é VOCÊ e da mesma maneira a única pessoa que pode reverter e dominar tudo isso também é você!

“Nossa Bárbara, não precisa falar assim!”

E te digo mais. Precisamos levar algumas sacudidas para despertarmos deste piloto automático que a indústria nos coloca.

Bom, vamos lá. Você já parou para pensar em TUDO o que você come? Em tudo mesmo, na qualidade em que aquilo foi produzido, quais são os ingredientes utilizados na fabricação, na quantidade de carboidratos existente naquele combo, NA HIGIÊNE da fábrica em questão...

Aliás, você sabia  que a Anvisa permite uma determinada quantidade de pelos de rato nos alimentos (você se lembra daquela história do molho de tomate que aconteceu há algum tempo atrás?)

O vilão da vez é o carboidrato, mas será ele o verdadeiro problema ou o problema está dentro de nós a respeito das escolhas que temos feito ao ingerir qualquer comida/bebida?

Quero te fazer uma pergunta: Você come números? Hã!?

Sim, é isso mesmo que você leu. Você come números?

Então porque você opta por aquela bolachinha, por aquele suco de garrafinha, latinha ou caixinha? Tenho certeza que neste momento na sua casa você tem algum produto assim, corre lá e pegue para ler os ingredientes, vai ter de tudo como por exemplo: aromatizante, acidulante, emulsificante e os números tais como: ácido cítrico (INS330), ácido ascórbico (INS300) e por aí vai... Para uma saúde corporal e mental desejável BASTA se alimentar com os alimentos que Deus fez.

A partir de hoje, diante de uma comida muuuuuuito tentadora pare e se pergunte: Foi Deus que fez? Se sim, coma a vontade; se não, repense na real necessidade de ingerir aquilo.

Exemplo: tomate foi Deus que fez? Sim. E o molho de tomate em saquinho foi Deus que fez? Não. Batata doce (para os que querem ficar fortes) foi Deus que fez? Sim. E suplemento que é muito comum em academias, foi Deus que fez? Não

Viu como é simples?

Espero ter despertado uma voz interna para que a partir de hoje você inicie sua jornada e maneira de pensar diante dos alimentos super-calóricos e cheios de químicas.

Bábarba Leal Meon Fitness

Barbara Leal, colaboradora do Meon Fitness

Gabi Riemma / Meon

Um Grande abraço!!

Personal Trainer e Criadora do Desafio E21 Burn Extreme Bárbara Leal. Para mais informações me chame no Whats 12 98129 1772