Entre os dias 30 de maio até 2 de junho, Jacareí terá a  8ª Feira do Bolinho Caipira, no Parque da Cidade. Serão 16 entidades participantes  que venderão a iguaria composta de farinha branca com linguiça. Há também com novos sabores para o público que quiser um diferencial de sabor. O evento contará com shows todas as noites

A venda dos bolinhos caipiras, doces juninos e bebidas serão revertidas para as entidades da cidade. As barracas serão administradas por entidades e instituições do município de Jacareí, com fim beneficente e visa promover a culinária regional caipira, desde que atendam todos os requisitos edital.

bolinho_caipira_de_jacarei

O bolinho caipira de Jacareí é um patrimônio imaterial e histórico do município

Divulgação




























O evento é realização da  Fundação Cultural de Jacarehy com o apoio das entidades sociais do município.  O bolinho caipira de Jacareí é um patrimônio imaterial e histórico do município.

Patrimônio

Segundo pesquisa documental da historiadora Ana Luíza do Patrocínio, o bolinho caipira começou a ser vendido, na cidade, em 1925, no mercado municipal com dona Nicota Gehrke, cuja receita é seguida até hoje.

Programação

Dia 30/05, quinta-feira, das 20h às 22h, Peleco

Dia 31/05, sexta-feira, das 20h às 22h, Dupla Fernando e Fabiano

Dia 01/06, sábado, das 20h às 22h, Fuá Rabecado

Dia 02/06, domingo, das 20h às 22h, Trem da Viração

Serviço

8ª Feira de Bolinho Caipira

Data: quinta-feira (30/5), sexta-feira (31/5), das 17h às 22h. Sábado (1/6) e domingo (2/6), das 14h às 22h.

Local: Parque da Cidade, avenida Engenheiro Davi Monteiro Lino, Jacareí.

Conheça mais sobre Jacarei.